segunda-feira , 17 fevereiro 2020
Início / Últimas Notícias / Sport Flash: Ronaldinho Gaúcho é acusado de crime ambiental e é proibido de deixar o BR

Sport Flash: Ronaldinho Gaúcho é acusado de crime ambiental e é proibido de deixar o BR

 

ex-jogador Ronaldinho Gaúcho foi proibido pela justiça brasileira de deixar o Brasil, já que é acusado de crime ambiental. Devido a proibição, Ronaldinho não irá viajar a Dubai, nos Emirados Árabes, onde participaria de uma conferência sobre esportes.

Multa milionária

De acordo com o jornal espanhol “As”, o ex-jogador é proibido de sair do país por não pagar uma multa avaliada em dois milhões de euros, cerca de nove milhões.

Passaporte apreendido

O juiz Newton Fabrício, da 1° Câmera Cível do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul, apreendeu o passaporte do jogador e de seu irmão Assis por conta da sentença imposta em 2015.

O ex-jogador estava fora do país quando a decisão foi anunciada, e só voltou ao Brasil em meados de dezembro, quando teve seu passaporte confiscado.

Conta tem menos de R$ 30

Em comunicado, o fiscal Brasilino Pereira dos Santos afirma que “me parece que estamos diante de uma situação aonde o condenado claramente zomba da Justiça diante da sociedade brasileira e mundial“.

Ainda de acordo com o jornal espanhol, após várias tentativas da Justiça para que o jogador e o irmão cumprissem a sentença e efetuassem o pagamento da multa, a justiça interviu nas contas bancárias do ex-jogador e encontrou apenas seis euros, o que dá o equivalente a R$ 24 em seu saldo bancário.

 

Terra

Confira também

No ar, em todo lugar há 36 anos!

No início dos anos 1980 a necessidade de um veículo de massa que levasse até …

Sinta a vibe da Cidade!

Zuckerberg irrita funcionários chineses por críticas ao país

O presidente do Facebook, Mark Zuckerberg, nos últimos meses, tem adotado uma postura crítica contra a China e a …

Filme sobre Elvis Presley já tem data de estreia!

A cinebiografia de Elvis Presley, que contará com a presença dos atores Tom Hanks e Austin Butler, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *